segunda-feira, 7 de abril de 2008

...


Por vezes até virar as costas é uma forma de comunicação
Mas nunca é um diálogo
Por vezes virar as costas é uma forma de tomada de posição
mas nunca é de compreensão
por vezes virar as costas é uma forma de protecção
Mas acaba por ser sempre um golpe!



Fotografia: The Back by Rezie Ilhamsyah
(Todos os Direitos reservados)

3 comentários:

Maggy disse...

E se "virar as costas" for uma forma de recolhimento? Tantas vezes os diálogos são surdos.
Digo eu...

Beijos,

Maggy

Miss Precious disse...

Ainda bem que tornaste a escrever, mulher. Folgo em ver isso.
Ao contrário de ti, vejo o virar de
costas sobretudo como fugir a tomar posição, mas cada um com a sua.

Sandrine disse...

Maggy: Se depois de virarmos as costas não batermos com a porta... pode ser que sim!
Tudo depende da forma como se faz! E como isso faz sentir o outro...
Jokinhas

Miss Precious: mas eu também concordo contigo.. ou seja estamos as duas de acordo... eu só dei várias hipóteses... ou tentei...
Jitos da peçonhenta :)