quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Silêncios...


Há palavras que me fazem falta
dizia ela quase em sussurro
Não precisam de ser as certas
insistia ela como que a convencer-se disso mesmo

Há palavras que preciso de ouvir
de as ver escritas
(já não falo das que escrevo - pensou ela timidamente)
As tuas fazem-me falta... preenchem os silêncios!
Percebes?
Ele não respondeu...
Ela não chegou a perceber se ele percebeu!
Provavelmente não compreendeu ainda o vazio que o silêncio lhe provoca
que ele é também motivador para outras palavras
que é óbvio que ninguém entende as coisas da mesma maneira
Mas para ela era claro como a água que esta era a altura de ser egoísta
Ela não quer o silêncio das palavras não escritas
das palavras por inscrever
precisa disso
e ele parece não querer entender
Há palavras que nos fazem falta
e nem sempre precisam de ser as certas
apenas precisam de ser!

8 comentários:

Chapas disse...

clap!clap!clap!clap!clap!clap!clap!clap!clap!clap!clap!clap!

pp disse...

Podes sempre ouvir o CD-Wordsong do Al_Berto...
tu tens que eu sei....

na ausência de palavras não ditas....algumas palavras não tem que ser ditas estão presentes sempre... ;)

Sandrine disse...

Há palavras que ganham essa imortalidade... ou perpetuidade... fixam-se no nosso corpo como tatuagens!
:)
é sempre bom ler-te aqui...

deKruella disse...

E tudo se resume a isso não é?
Ao peso que as palavras têm...as ditas e as não ditas!

Patrícia disse...

epá ......mais um que eu não consigo comentar......

Maggy disse...

E não é o 'silêncio' uma forma de dizer uma 'palavra'? Há momentos em que os silêncios são mais relevantes do que as palavras. Faz sentido?

Bjo grande.

Sandrine disse...

Chapas: Obrigada amigo! (tenho que começar a ler mais BD para compreender essa forma própria de linguagem! ;)

pp: Tens toda a razão!!! Há palavras que estão sempre presentes ;)

Kru: sabes bem o peso das que são ditas e das que ficam por dizer... aliás, numa ou noutra altura das nossas vidas todos acabamos por sabê-lo

Patrícia: espero que mesmo não conseguindo comentar tenhas gostado :) A tua opinião conta sempre muito para mim amiga!

Maggy: faz todo o sentido do mundo!!! :) e se calhar bastaria ter dito isso!!! ;)

Patrícia disse...

Gostei, gostei muito!