quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Aniversário de Jackson Pollock


Jackson Pollock, (Cody, Wyoming, Estados Unidos da América, 28 de Janeiro de 191211 de Agosto de 1956) foi um importande pintor dos Estados Unidos da América e referência no movimento do expressionismo abstrato.

Pollock nasceu em Cody, no estado de Wyoming. Começou seus estudos em Los Angeles e depois mudou-se para Nova Iorque. Desenvolveu uma técnica de pintura, criada por Max Ernst, o 'dripping' (gotejamento), na qual respingava a tinta sobre suas imensas telas; os pingos escorriam formando traços harmoniosos e pareciam entrelaçar-se na superfície da tela. O quadro "UM" é um exemplo dessa técnica. Pintava com a tela colocada no chão para sentir-se dentro do quadro. Pollock parte do zero, do pingo de tinta que deixa cair na tela elabora uma obra de arte. Além de deixar de lado o cavalete, Pollock também não mais usa pincéis.

A arte de Pollock combina a simplicidade com a pintura pura e suas obras de maiores dimensões possuem características monumentais. Com Pollock, há o auge da pintura de ação (action painting). A tensão ético-religiosa por ele vivida o impele aos pintores da Revolução mexicana. Sua esfera da arte é o inconsciente: seus signos são um prolongamento do seu interior. Apesar de ter seu trabalho reconhecido e com exposições por vários países do mundo, Pollock nunca saiu dos Estados Unidos. Morreu em um acidente de carro em 11 de agosto de 1956.

Em 28 de Janeiro de 2009, o site de busca Google estilizou seu logotipo por um dia de forma que se assemelhasse ao seu trabalho, graças ao jubileu de abeto de seu nascimento.

(informação retirada do Wikipédia)

4 comentários:

Precious disse...

Um post cultural, sim, senhora.
Confesso que não sou apreciadora da arte do senhor.

Carlos Rangel disse...

Apesar de gostar da inovação que Pollock trouxe e de gostar muito de alguns trabalhos, não o acho genial. Mas sem dúvida que gostei de ver assinalado o aniversário dele aqui no teu blog!

Beijinhos!

Sandrine disse...

Precious: Estou como o Carlos Rangel, aprecio a inovação, gosto de alguns trabalhos e acho que não deveria passar em branco o seu aniversário!

Carlos Rangel: Já deves ter percebido, entretanto, que estamos de acordo :)
Obrigada pela tua visita... não te sabia visitante!! Espero que já andes com mais tempo (é sempre bom ler-te!!)!!!
Beijinhos!!

Noiva Judia disse...

Gosto muito deste senhor, embora haja quem diga que ele não fazia mais do que uns borrões. Mas eu não me importava de ter uns "borrões" dele na minha parede ;)