quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Os Meus Pensamentos são Todos Sensações


"Sou um guardador de rebanhos.
O rebanho é os meus pensamentos
E os meus pensamentos são todos sensações.
Penso com os olhos e com os ouvidos
E com as mãos e os pés
E com o nariz e a boca.
Pensar uma flor é vê-la e cheirá-la
E comer um fruto é saber-lhe o sentido.
Por isso quando num dia de calor
Me sinto triste de gozá-lo tanto.
E me deito ao comprido na erva,
E fecho os olhos quentes,
Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,
Sei a verdade e sou feliz. "

Fernando Pessoa, in "O Guardador de Rebanhos - Poema IX"

Fotografia: StephM3 by Lawrencew
(All rights reserved)

5 comentários:

PP disse...

Para pensar usa a cabeça...deitada na relva???
vai masé pastar....

:) :)

RaquEL disse...

Ver
Ouvir
Tocar
Saborear
Sentir

Tudo nos é essencial para captar um momento, uma paisagem...
Adoro Fernando Pessoa, Adoro Alberto Caeiro, um poeta que sabe juntar na perfeição os sentidos com a Natureza. Duas coisas das quais o ser humano não sabe e, principalmente, não consegue viver.
Boa escolha!
*

PP disse...

Fernando pessoa, Alberto Caeiro, Alvaro de Campos, Ricardo Reis e outros tantos como estes...os heterónimos são mto bons....

:)

Anónimo disse...

Mais um poema,tb este lindíssimo:

"O Tejo é mais belo que o rio que corre pela minha aldeia,
Mas o Tejo não é mais belo que o rio que corre pela minha aldeia
Porque o Tejo não é o rio que corre pela minha aldeia,

O Tejo tem grandes navios
E navega nele ainda,
Para aqueles que vêem em tudo o que lá não está,
A memória das naus.

O Tejo desce de Espanha
E o Tejo entra no mar em Portugal.
Toda a gente saba isso.
Mas poucos sabem qual é o rio da minha aldeia
E para onde ele vai
E donde ele vem.
E por isso, porque pertence a menos gente,
É mais livre e maior o rio da minha aldeia.

Pelo Tejo vai-se para o Mundo.
Para além do Tejo há a América
E a fortuna daqueles que há para além
Do rio da minha aldeia.

O rio da minha aldeia não faz pensar em nada.
Quem está ao pé dele está só ao pé dele."

Alberto Caeiro "Obras Completas de Fernando Pessoa"

BEIJINHO GRANDE Natália

Sandrine disse...

Olá Natália!!! :D

Não te sabia visitante deste meu cantinho!
Obrigada pela tua contribuição!!! É sempre enriquecedor!

Mil beijos já saudosos
s